Na tarde da última segunda-feira (15), a Polícia Civil do Maranhão, através delegacia de Polícia Civil de Tutóia, que pertence a 20º Delegacia de Barreirinhas, prendeu dois homens acusados de latrocínio (roubo seguido de morte).

O crime aconteceu em Tutóia, na madrugada entre domingo (14) e segunda-feira (15). Os suspeitos são acusados de assaltar a casa de Maria Rita Passos Ferreira, uma idosa de 79 anos, conhecida como “Maria do Sapo”, e roubaram uma televisão e um botijão de gás.

De acordo com as informações do Delegado Cristiano, Titular da Delegacia de Tutóia, os familiares da idosa encontraram o seu corpo pela manhã com marcas de facadas e acionaram a polícia militar, que saiu em diligências e prendeu dois suspeitos pelo furto de um botijão de gás. “Nos interrogatórios um deles acabou confessando a participação no crime, alegando que tentou impedir o seu comparsa de desferir as facadas, mas que não teria conseguido. Os dois foram autuados por latrocínio, roubo seguido de morte”, afirmou o delegado.

O crime aconteceu por volta de 01h00 da madrugada e teria sido motivado pelo consumo de drogas. Os dois envolvidos estariam ingerindo bebidas alcoólicas e consumindo drogas e precisavam de mais dinheiro para continuar o uso. Ao entrar na residência, eles fizeram barulho arrombando a porta e a vítima acordou e foi verificar o que ocorreu quando um dos dois envolvidos a empurrou para dentro do quarto e cometeu o crime.

Os dois foram entregues ao sistema penitenciário e serão encaminhados para a justiça dentro dos próximos dias.