Na tarde desta quinta-feira (1), a Polícia Civil divulgou os resultados da Operação Caça-Níquel, deflagrada nesta manhã. De acordo com a polícia, durante a ação mais de 200 máquinas de caça-níquel foram apreendidas, além de outros eletrodomésticos, notebooks, CPUs e monitores.

Na operação foram cumpridos 19 mandados de busca e apreensão em estabelecimentos de jogos de azar e residências de proprietários das máquinas. Ao total, 5 estabelecimentos foram fechados, sendo três no centro de São Luís, um na Cohab e outro Maracanã.

Na casa de um dos suspeitos, foram recolhidos R$ 52 mil e três pessoas foram conduzidas para delegacia a fim de prestar depoimento. Além disso, também foram apreendidos 5 carros de luxo, 3 deles eram blindados.

De acordo com o delegado geral da Polícia Civil, Armando Pacheco, a operação tem três objetivos interligados: a identificação e desativação de estabelecimentos de jogos de azar, localização e busca dos proprietários e investigação de possíveis agentes públicos envolvidos nos esquemas de corrupção.

Segundo o superintendente estadual de combate à corrupção, Roberto Wagner Fortes, os dados e resultados desta operação servirão de base para próximas investigações, já que há suspeitas do envolvimento de policiais corruptos no esquema.