Polícia Federal prende assaltantes especializados em assaltos a agências dos Correios no MA

 A Polícia Federal (PF) confirmou, ontem, que uma organização criminosa acusada de ter assaltado pelo menos 17 agências dos Correios em São Luís e no interior, no ano passado, era comandada por apenados do regime aberto ou semiaberto do sistema prisional do Maranhão, inclusive do Complexo Penitenciário de Pedrinhas, com base na Vila Luizão.

O bando, que obteve no ano passado R$ 893 mil, era formado por 14 integrantes, que foram preso durante a operação Trabalho Espúrio, desencadeada nesta sexta-feira, 10, na capital e na cidade de Cajari, que não tiveram nomes divulgados.

Um dos criminosos foi preso em Cajari quando foi apreendido uma arma longa. As outras prisões ocorreram na Grande Ilha. Todos os detidos foram levados para a sede da Polícia Federal, na Cohama. Segundo o delegado regional de Combate aos Crimes contra o Patrimônio (Delepat), Sandro Jansen, essa organização vinha sendo investigada há dois anos, quando foi constatado que o líder era um presidiário do regime semiaberto, residente na Vila Luizão.

Ainda de acordo com o delegado, esse criminoso ao deixar o presídio conseguia planejar os assaltos. “Ele era responsável por fazer todo o levantamento da ação criminosa, principalmente a rota de fuga”, afirmou o delegado.

Os criminosos se reuniam na residência desse presidiário, antes e depois das ações criminosas. O delegado declarou que na maioria dos assaltos dois bandidos entravam na agência, enquanto o terceiro ficava na porta para ajudar na fuga. O dinheiro do roubo era dividido entre eles. “Há possibilidade de esse bando receber armas de facção criminosa e dinheiro para financiar o aluguel do carro usado nas ações, mas isto está sendo investigado”, declarou o delegado.

Agências assaltadas

Dia 10 de abril de 2018: agência de Bacabeira; Dia 20 de abril de 2018: agência de Humberto de Campos; Dia 15 de maio de 2018: agência de Paço do Lumiar; Dia 17 de maio de 2018: agência de Humberto de Campos; Dia 18 de maio de 2018: agência de Bacabeira; Dia 22 de maio de 2018: agência da Raposa; Dia 23 de maio de 2018: agência de Matões do Norte;. Dia 24 de maio de 2018: agência de Pinheiro; Dia 30 de maio de 2018: agência do Turu; Dia 19 de junho de 2018: agência de Humberto de Campos; Dia 20 de junho de 2018: agência de São Bento; Dia 25 de junho de 2018: agência de Vitorino Freire; Dia 28 de junho de 2018: agência de Cururupu; Dia 3 de julho de 2018: agência de Bequimão; Dia 27 de julho de 2018: agência de São Bento; Dia 14 de agosto de 2018: agência de Anapurus; Dia 19 de agosto de 2018: agência de Barreirinhas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *