A Polícia Militar (PM-MA) prendeu nesta sexta-feira (29), três suspeitos de participar no assassinato do tenente-coronel da PM Ronilson Gomes Pinto, de 46 anos. Dois dos suspeitos foram presos pela manhã por policiais durante diligências que ocorriam desde o momento do crime.

O terceiro teria se apresentado na delegacia na companhia de um advogado e recebeu voz de prisão no local. O quarto suspeito de participar do crime ainda não foi localizado.

Ronilson foi morto a tiros na tarde da quinta-feira (28), em sua casa, no Residencial Pinheiro. O crime ocorreu durante uma tentativa de assalto, após os criminosos invadirem a casa do tenente-coronel para realizar um assalto, quando houve a reação por parte do policial e a troca de tiros, que resultou na morte dele.

Após o crime, os bandidos fugiram do local levando a arma e o carro de Ronilson que foi abandonado ainda nas proximidades.

O tenente-coronel foi sepultado também na sexta-feira (29). O caixão com o seu corpo foi transportado por um carro do Corpo de Bombeiros até o cemitério.