Após assembléia realizada nas primeiras horas desta sexta-feira (8), na porta da garagem da Autoviária Matos, o Sindicato dos Rodoviários constatou irregularidades.

A empresa ainda não pagou os salários dos trabalhadores, assim também como o plano de saúde, que não está podendo ser utilizado por falta de pagamento.

As informações são da Assenssoria de Comunicação do sindicato. Os trabalhadores decidiram cruzar os braços, mas chegaram a um consenso, de que só irão deflagrar a greve na próxima segunda-feira (11), isso se até lá, os pagamentos devidos não forem realizados.