Animado com a conquista da primeira vitória na Série B do Campeonato Brasileiro, na noite do último sábado, quando derrotou o América-MG por 1 a 0 no Castelão, o Sampaio Corrêa “vira a chave” e foca na fase semifinal do Maranhense a partir desta quarta-feira (9). O Tricolor entra em campo às 15h30 no Estádio Pinheirão, em São Mateus, para enfrentar o Juventude Samas, no primeiro jogo entre as duas equipes. O segundo será no dia 16, em São Luís.

O vencedor da partida de hoje dará grande passo para ser um dos finalistas da competição e enfrentar Moto ou São José. Um empate deixa tudo para ser decidido no jogo da volta. O regulamento determina que em caso de igualdade nos placares do confronto, a decisão será conhecida por meio da cobrança de tiros livres diretos da marca penal.

O técnico Léo Condé não quis antecipar qual o time que deverá colocar em campo. Aliás, essa prática já se tornou uma rotina do treinador desde seu retorno ao Tricolor. Na semana passada, ele decidiu não mais informar nem mesmo a lista dos jogadores que fazem parte das delegações.

A equipe que atuou contra o América-MG começou com Gustavo; Luís Gustavo, Joécio, Daniel Felipe e João Victor; Vinicius Kiss, André Luís, Marcinho e Robson Duarte; Gustavo Ramos e Caio Dantas. Mais oito jogadores foram liberados pelo Departamento Médico e estão à disposição do técnico boliviano.

Na última oportunidade em que as duas equipes se enfrentaram, o Sampaio aplicou uma goleada no Juventude por 5 a 1, na segunda fase da competição. Condé, técnico tricolor, no entanto, alerta para o fato de que naquela ocasião o que aconteceu foi atípico. “Sabemos que vai ser um jogo difícil, árduo e temos que ser bem organizados e fortes para trazermos um bom resultado”, analisou.

No Campeonato Maranhense, o Sampaio Corrêa ficou em segundo lugar ao fim da primeira fase classificatória com 16 pontos ganhos e cinco vitórias, uma derrota e um empate, nos sete jogos. Já o Juventude, após a disputa da repescagem, com o mesmo número de jogos alcançou os 12 pontos, quatro vitórias, zero empate e três derrotas.

Arbitragem
A Comissão Estadual de Arbitragem do Futebol (Ceaf) designou Ranilton Oliveira de Sousa (árbitro), tendo como assistentes Antônio Adriano de Oliveira e Adriana Oliveira Carvalho.

Maykon Nunes será o quarto árbitro e Raimundo Benjamin Simas Junior o delegado da Federação Maranhense de Futebol (FM).

 

Da Redação com informações do Imparcial