Nesse domingo (30), a Polícia Civil do Maranhão prendeu um homem, de 28 anos, e uma mulher, de 26 anos, foram presos suspeitos de cometerem um homicídio ocorrido no último dia 15 de maio, na cidade de Coelho Neto, no Maranhão.

De acordo com o delegado Márcio Mendes, a vítima, identificada como Maria das Dores Lima, foi morta com vários golpes de faca, após ser perseguida pelo casal. O crime teria como motivação o fato da filha da vítima ter vendido um par de sandálias para a suspeita.

Ainda segundo o delegado, após a vítima ter tomado conhecimento da venda, ela pediu a devolução do produto alegando que não tinha autorizado. Na ocasião, a suspeita devolveu as sandálias, porém afirmando que mataria a mulher.

No dia do crime, a vítima encontrou o casal em uma via pública e após uma perseguição, tentou se esconder no interior de um estabelecimento comercial, onde foi morta friamente.

Um investigador da Polícia Civil, tomou conhecimento que o casal havia retornado a cidade de Coelho Neto e que se encontrava escondido em uma residência no bairro Santana, Na ocasião, o policial agiu dando cumprimento às prisões e conduzindo os dois acusados para a Delegacia de Polícia. A dupla será encaminhada para a Unidade Prisional de Caxias (MA), onde ficará à disposição do Poder Judiciário.