Governadores de nove estados da Amazônia Legal, incluindo Flávio Dino do Maranhão, lançaram na última sexta-feira (16) o Plano de Recuperação Verde (PRV), com o objetivo de levantar R$ 1,5 bilhão em recursos internacionais para financiar projetos de desenvolvimento sustentável e de combate ao desmatamento. O plano é visto como uma ação complementar e independente do governo federal.

Segundo o Valor, o coordenador do grupo de governadores, o maranhense Flávio Dino, espera ter estes recursos liberados ainda neste semestre.

Outra parte do dinheiro para o plano viria da Coalizão Leaf, uma iniciativa internacional encabeçada pelos governos dos EUA, Reino Unido e Noruega para o financiamento de projetos de conservação florestal. O plano é estruturado em quatro eixos: combate ao desmatamento ilegal; desenvolvimento produtivo sustentável; investimentos em tecnologias verdes e capacitação; e infraestrutura verde. Nestas frentes, estão previstas ações como reforço à fiscalização ambiental, apoio à piscicultura de espécies nativas, incentivos e controle da pecuária, fomento ao extrativismo e investimento em saneamento básico.