Fóssil de espécie de peixe foi encontrado em uma região de lago em Presidente Dutra — Foto: Reprodução

Os achados arqueológicos são de uma espécie de peixe e de um crustáceo que viveram em um lago, os fósseis com cerca 113 milhões de anos foram descobertos no município de Presidente Dutra, a 350 km de São Luís. De acordo com informações, um professor da cidade encontrou os fósseis e entrou em contato com pesquisadores da capital São Luís. Foi encontrado em uma rocha o esqueleto de uma espécie de peixe da época dos dinossauros, segundo os pesquisadores.

O crustáceo recebeu o nome de codo isópode brejense em homenagem a região onde foi  encontrado.

Fóssil de crustáceo com mais de 110 milhões de anos foi encontrado em Presidente Dutra — Foto: Reprodução

A descoberta vai ajudar os pesquisadores a entender melhor como se deu a formação de um grande lago que ficava em um território que cobria de leste a oeste do Maranhão.

Os novos achados serão objeto de estudo dos pesquisadores e ainda não fazem parte da exposição permanente do Centro de Pesquisa de História Natural e Arqueologia do Maranhão. O acervo deve ajudar pesquisadores na identificação de novas espécies e outras descobertas da história.