Imagens de câmeras de segurança gravaram um comerciante sendo obrigado a entrar em um carro na última segunda-feira (1º) no município de Bacabal. No dia seguinte, ele foi encontrado morto com tiros e sinais de tortura. Cinco policiais, que apareceram nas imagens, foram presos suspeitos do crime.

Além do comerciante, os moradores locais denunciam que um segundo homem, identificado como José Ribamar Neves Leitão, teria sido levado por um dos policiais. A família confirma a versão e já perderam a esperança de encontrá-lo com vida.

Apenas o corpo do comerciante foi encontrado. Já a possível segunda vítima dos policiais, José de Ribamar, continua desaparecido. A população cobra uma resposta imediata da Secretaria de Segurança Publica do Maranhão, através do seu secretário, Jefferson Portela.

A esposa de José de Ribamar, vive em uma pequena casa. Após o sumiço do marido, ela está sobrevivendo de doações com o filho do casal, com apenas 4 meses de vida.

O crime e o sumiço de José, a possível segunda vítima, chocou o município de Bacabal, as imagens repercutiram a nível nacional.