Uma Gari identificada como Morgana do município de Lago da Pedra, relatou através de um vídeo, que perdeu o emprego após ir em um ato político de uma pré-candidata à prefeita e oposição de Laércio Arruda, atual prefeito do município.

De acordo com relato de Morgana, ela foi mandada embora sem justificativa, logo após ir no evento recolher latinhas para completar a renda familiar. Outro fato bastante grave, foi a confirmação feita por ela, que relatou receber apenas R$ 459,00 de salário. Porém no contra-cheque estaria o valor de um salário mínimo.

Após perder o emprego, ela que é mãe de cinco filhos, atualmente sobrevive com doações de amigos.